Postagens recentes

Perto dos 70 anos, Machado de Assis planejava estudar grego

Filho de ex-escravos, ele é considerado o maior escritor brasileiro

Maya Santana, 50emais Hoje, 21 de junho é aniversário de Machado de Assis. O maior escritor brasileiro nasceu há exatos 178 anos. E está recebendo muitas homenagens, inclusive do Google, que criou uma imagem para marcar a data. O autor de tantos clássicos – Dom Casmurro, Memórias Póstumas de Brás Cubas, O Alienista, A Mão e a Luva, Esaú e ... Leia Mais »

Os textos na internet falsamente atribuídos a autores famosos

Luiz Fernando Veríssimo,80, é um dos que mais sofrem com esta onda de textos erroneamente atribuídos a ele

Maya Santana, 50emais Esta manhã, recebi um texto de uma amiga muito querida, assinado por Luis Fernando Veríssimo. Como estou cansada de ver artigos na internet atribuídos erroneamente a autores famosos, fui confirmar a autoria. Não deu outra: o autor pode ser qualquer um, menos o filho de Érico Veríssimo. O escritor gaúcho nem nunca ouvir falar do tal texto, ... Leia Mais »

Dráuzio Varella: “Toda mulher é uma prisioneira”

A sociedade passa o tempo todo tentando controlar o comportamento dela

Maya Santana, 50emais Já falei aqui mais de uma vez da minha admiração pelo médico e escritor Dráuzio Varella. Depois de ver a entrevista que ele deu ao Conversa com Bial, alguns dias atrás, não há como não admirá-lo ainda mais. Dráuzio foi convidado para ir ao programa falar de seu mais recente livro, Prisioneiras, que completa a trilogia sobre ... Leia Mais »

Óculos escuros, além de dar certo charme, são uma proteção

A consultora de moda Glória Kalil com um modelo que combina bem com o rosto dela

Maya Santana, 50emais Eu nunca dispenso um par de óculos escuros, porque tenho fotofobia, ou aversão a luz. E como moro no Rio, com sua claridade total, estou sempre com eles. Aliás, em qualquer parte do Brasil, estes óculos são indispensáveis, porque protegem de certos raios solares maléficos. Na hora de comprar óculos escuros, sempre em óticas e não em ... Leia Mais »

Só com perseverança conquistaremos estágio pleno de felicidade

Morre lentamente quem não persevera

Maya Santana, 50emais O título deste poema é “Quem Morre”, escrito não pelo venerado poeta chileno Pablo Neruda. como, erroneamente, dissemos antes, mas pela jornalista e escritora gaúcha Martha Medeiros. O texto circula na internet como se fosse de Neruda. Um enorme erro, já que o poeta é considerado um dos maiores da língua espanhola. De qualquer forma, vale a ... Leia Mais »