Beth Faria: ficar velha “é um saco. Melhor idade é o cacete”

Betty Faria está brilhando como a Elvira de A Força do Querer

Maya Santana, 50emais

Betty Faria, uma das atrizes mais respeitáveis do país, volta a brilhar na TV fazendo o papel de Elvira na novela A Força do Querer, de Glória Perez. Inconformada com o avanço do tempo, ela, que é conhecida pela irreverência, pelo jeito “desbocado” de falar, esculhamba quando o assunto é o próprio envelhecimento. “É um saco”, afirma com franqueza. Quando li suas declarações me lembrei de Rita Lee – vai completar 70 anos em dezembro -, para quem “envelhecer é uma loucura. Não é para maricas”, segundo declarou numa entrevista. Além de serem contemporâneas, Betty Faria e Rita Lee têm em comum o fato de serem inteligentes, mordazes e muito bem humoradas.

Leia o artigo do Uol:

Aos 76 anos, Betty Faria atua em A Força do Querer como Elvira, uma senhora que vai se aventurar em bailes funks e chocar com sua postura “aberta ao novo”. Para a atriz, que no ano passado teve de operar os dois joelhos, envelheccer não é tão agradável quanto sua personagem fará parecer. “É um saco, melhor idade é o cacete!”, diz às gargalhadas.

Betty sofreu muito com dores nos joelhos. Durante o trabalho em Boogie Oogie (2014) tomava uma injeção a cada 15 dias. “Faço fisioterapia para fortalecer as pernas, mas não posso dançar nem muito menos usar salto alto. E eu gosto desses saltos altos de ‘cachorra’, como eu gosto.”.

Ela trabalha sua cabeça para encarar o passar dos anos. Diz que psicologicamente é muito difícil envelhecer. A veterana foi musa da TV nos anos 1970 e 1980. Posou nua e até hoje é lembrada pela fogosa protagonista da novela Tieta,de 1989.

Budista há 20 anos, ela afirma que cuidar do lado espiritual também é muito importante para sobreviver com dignidade. A atriz diz que cultiva diariamente a “gratidão de estar viva” como um mantra.

“Essa palavra gratidão está na moda, mas eu a uso há anos porque chegar na minha idade e poder conversar com alguém mais jovem e passar uma coisa boa, só me dá mesmo gratidão. Sou uma sobrevivente de tempos, tempestades e trovoadas. Estou contentinha de trabalhar, fazer novela”, comenta.

“O que é bom [na terceira idade] é só essa liberdade de não precisar virar uma velha loira, ficar assim natural, como estou. Meu cabelo está virgem, é a cor que tenho agora”, diverte-se.

Clique aqui para ver Beth Faria, ou Elvira, na cena em que ela aparece num baile funk:

5 comentários

  1. Excelente atriz! E tem toda razão, melhor idade é não sei pra quê

  2. A Globo deve muito a esta atriz!! Quantos papéis marcantes, quantos momentos televisivos intensos , quantas protagonistas de novelas das nove!! Ela realmente foi uma estrela global de primeira grandeza.

  3. Penso q deve ser muito díficil para ela, q teve tanto “glamour”, aceitar a velhice! Mas, ser idoso hoje é uma benção! E saber aceitar as nossas limitaçoes tbm…por isso vivamos bem com sabedoria, boa alimentação, exercícios físicos e muitas viagens!! E principalmente, aceitar a solidão como uma boa companhia!!

  4. Hermosa y talentosa actriz. Su papel de Elvirinha es fantástico, me encanta su transgredir y su autenticidad. Mucha salud y felucidad

  5. Concordo plenamente, envelhecer é uma droga…. não acho nem um pouquinho bom.rsrsrsrs

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*