Depois de 65 anos de carreira, atriz pede emprego pelo Facebook

Norma Blum, 78, diz na nota que escreveu no Facebook: “detesto ficar inativa”

Primeiro, foi a atriz Joana Fomm. Em um apelo dramático no Facebook, em 2017, ela pedia ajuda para encontrar trabalho, pois enfrentava situação financeira difícil. A história de Joana teve um final feliz. Logo, ela foi contratada para participar de uma novela na TV Globo. Tomara que o mesmo aconteça com outra excelente atriz, também desempregada, depois de 65 anos de carreira. Norma Blum recorreu à rede social para buscar “trabalho… porque adoro o que faço e detesto ficar inativa,” escreveu a atriz.

Leia:

Com 65 anos de carreira no teatro, cinema e televisão, Norma Blum recorreu a um grupo no Facebook para pedir emprego. No post, a atriz disse que, além de atuar, pode trabalhar como tradutora e locutora, e que recorreu à Internet por não encontrar espaço para a terceira idade no mercado de trabalho.

“Em primeiro lugar, gostaria de me apresentar. Sou Norma Blum, atriz com 65 anos de carreira em teatro, cinema e televisão. Também sou autora de livros e peças de teatro e roteirista de cinema e seriados para tevê. Infelizmente, não há muito espaço para profissionais mais maduros. Além da minha experiência com arte dramática, sou fluente em quatro idiomas (português, inglês, alemão e francês) e também atuo como locutora poliglota nos idiomas citados.

Como tradutora sou especialista em versões de livros, biografias e textos de publicidade do português para o inglês. Busco trabalho em quaisquer das áreas acima porque adoro o que faço e detesto ficar inativa. Gratidão a todos os membros dessa rede do bem pelas indicações e solicitações de trabalho!”, escreveu a atriz.

Veja nesta reportagem um pouco do trabalho importante de Norma Blum na TV brasileira:

Um comentário

  1. Norma Blum, que pena que a nossa sociedade não prestigia os ídolos com mais idade. Lembro-me de você e fico consternada em vê-la nesta situação. Os grandes salários da TV vão para menininhas caras-e-bocas e rapazes não tão apropriados como galã. Um abraço.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*