Verão mal começou e o Rio já se transformou numa fornalha

Antes das 7h da manhã, este termômetro da orla marcava esta temperatura

Antes das 7h da manhã, este termômetro da orla marcava esta temperatura

Maya Santana, 50emais

Atenção você que está planejando vir passar o réveillon no Rio, o calor esturricante transformou a cidade em uma imensa fornalha a céu aberto. Ontem, os termômetros marcaram 42,3 graus, mas a sensação térmica era de perto dos 50 graus. Foi a temperatura mais alta registrada em 2016. Isso, menos de uma semana depois de o verão ter começado, no dia 21 de dezembro.

Durante o dia, as praias serviram de refúgio: milhares de pessoas, principalmente turistas que já estão aqui para a passagem do ano, disputavam espaço na areia. E mesmo à noite, como o mormaço não cedeu, muita gente foi buscar alívio nas águas do mar. Só dá para aguentar tamanho calor com o ar condicionado ligado, pois basta por os pés na rua para o suor começar a correr.

Um panorama da praia de Ipanema em plena terça-feira

Um panorama da praia de Ipanema em plena terça-feira

A previsão para esta quarta feira é de que os termômetros batam em 38 graus. Saí cedinho para a caminhada habitual no calçadão. Não consegui ir muito longe, com o sol ardendo na pele. Muita gente já estava de volta à praia. Ainda não são 10h da manhã. Para não derreter, estou com o ar condicionado funcionando a todo vapor.

Compartilhe!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.