Educadora tem filha aos 62 anos e ainda amamenta

Sílvio e Márcia Gamboa com a pequena Marcita, que ainda mama no peito

Sílvio e Márcia Gamboa com Marcita, de quase 2 anos

Maya Santana

É preciso mais do que coragem para tomar a decisão ousada que a pesquisadora Márcia Chaves Gamboa tomou aos 61 aos de idade: atendendo a um desejo do segundo e atual marido – e dela também, lógico -, engravidou-se novamente, depois de ter criado dois filhos do primeiro casamento e ser avó de cinco netos. Marcita, como é chamada a menina nascida em 2011, mostra-se saudável e ainda mama no peito. Márcia é mais uma sexagenária que decidiu enfrentar uma gravidez e está plenamente satisfeita com a sua decisão.

Casada com Sílvio Santos Gamboa, 63, há oito anos, eles vivem juntos há 12. O marido não tinha filhos e vivia dizendo que gostaria de ter uma filha. Os dois, então, decidiram partir para a empreitada. Antes, passaram por uma bateria de exames ao longo de quase seis meses. “Meus exames estavam todos em ordem e isso me animou. Mas eu nunca tinha parado para pensar na possibilidade de ser mãe de novo, porque estava na menopausa”, disse ela, segundo artigo publicado pelo Estado de S.Paulo.
Como estava na menopausa e já não produzia mais óvulos, o casal teve de lançar mão de inseminação artificial. O óvulo de uma outra mulher e o esperma do marido. A primeira tentativa não deu certo. Mas os dois estavam emprenhados em realizar o desejo e tentaram uma vez mais.

Quando o resultado do exame chegou, estava lá: positivo. É claro que toda a família levou um susto. Segundo Márcia, citada em um artigo da Folha de São Paulo, “a gravidez foi tranquila. Continuei trabalhando – ela é pesquisadora convidada da Unicamp, SP -, e fazendo minhas atividades físicas. A equipe médica e uma enfermeira me acompanharam. Marcita nasceu em 20 de agosto (2011), com 2,3 kg”.

Hoje, a menina está com quase dois anos e vai com o casal para todo lado, sem incomodar em nada a carreira dos pais. “Ter uma filha nessa idade nunca nos impediu de nada. Como pesquisadores, a gente viaja muito e ela está sempre com a gente. Não temos babá. Nós nos revezamos nos cuidados”, contou Márcia à Folha.

Eu admiro muito esse casal, que já terá feito 80 anos quando Marcita chegar aos 19. Acolhida com amor,a garota trouxe enorme alegria aos dois. E isso é visível. Márcia não esconde a satisfação quando comenta: “Nossos amigos dizem que a gente rejuveneceu”.

Compartilhe!

Um comentário

  1. Marcia adorei a matéria, voces dois sao maravilhosos felicidades me add no email se puder meu email é evanirmelosilva@hotmail.com evanirmelosilva@hotmail.com

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.