O genial Raul Seixas faria 68 anos nesta sexta

O cantor e compositor  morreu em São Paulo, aos 44 anos, em 1989

O cantor e compositor morreu em São Paulo, aos 44 anos, em 1989

O ilustre baiano Raul Seixas, maluco beleza de primeira grandeza, completaria nesta sexta-feira, 28 de junho, 68 anos de idade. Todo ano, faço questão de homenageá-lo aqui. Considerado o pai do rock brasileiro, Rauzito morreu em São Paulo quando tinha apenas 44 anos. Ficou a sua gloriosa obra:

Selecionei algumas de suas frases: “Todos os partidos são variantes do absolutismo. Não fundaremos mais partidos”; “o Estado é o seu estado de espírito”; “Somos prisioneiros da vida e temos que suportá-la até que o último viaduto nos invada pela boca adentro e viaje eternamente em nossos corpos”; “Ninguém morre, as pessoas despertam do sonho da vida”; “Eu prefiro ser uma metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo…”; “Eu não sou louco, É o mundo que não entende minha lucidez…”

Assista ao excelente documentário “Início, Fim e Meio”, de Walter Carvalho, sobre Raul Seixas:

http://youtu.be/-BW3yhGwvFQ

0 Compart.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.