Tai chi chuan é ideal para quem já passou dos 50

Exercício combate doenças, acalma a mente e até desacelera o envelhecimento

Exercício combate doenças, acalma a mente e até desacelera o envelhecimento

Com seus gestos lentos, o tai chi chuan, a arte marcial chinesa, é cada vez mais praticado no mundo, por causa de suas qualidades terapêuticas, sobretudo para quem já passou dos 50 anos. Tanto que foi eleito pela importante Harvard Medical School, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, uma das cinco melhores atividades físicas. Segundo a escola de medicina, o exercício combate doenças, acalma a mente e até desacelera o envelhecimento.

Leia o artigo escrito por Maira Ferraz para o jornal Zero Hora:

Na lista divulgada pela  Harvard Medical School, que elege as cinco melhores atividades físicas para todas as faixas etárias, existe uma em especial que traz ainda mais benefícios para a terceira idade: o tai chi chuan. A arte marcial chinesa incorpora movimentos lentos e o relaxamento e chega a ser apelidada pelos profissionais da área como uma espécie de “meditação em movimento” trazendo benefícios para a mente e para o corpo.

Hoje, o tai chi é conhecido como um exercício de baixo impacto e alcança tamanha importância que ganhou um núcleo de pesquisa em Harvard dedicado exclusivamente a estudar seus benefícios. Os pesquisadores concluíram que a prática ajuda a manter a densidade óssea, reduz dores decorrentes da artrite, promove a saúde do coração, reduz a hipertensão e melhora a qualidade de vida das pessoas.

http://youtu.be/ZUtMAyNr5rU

De acordo com o médico do esporte de Blumenau Fábio S. Cardoso, dos exercícios de equilíbrio, o tai chi chuan provou ser o de maior sucesso na redução de quedas, que se tornam mais frequentes à medida que a idade avança. Além disso, sua prática é benéfica para dar força, resistência muscular e flexibilidade.

– Um treinamento de 12 meses em pessoas idosas provou que, tanto para homens quanto para mulheres, houve inúmeros benefícios físicos e psicológicos, como o aumento da flexibilidade da coluna lombar e torácica, da força muscular das pernas, até redução da depressão, da ansiedade e dos distúrbios de humor – diz Fábio.

Além dos benefícios físicos, a prática traz melhorias para o bem-estar psicológico. A professora Cláudia Monteiro Moisés, de Florianópolis, que trabalha há 21 anos com tai chi, diz que seus alunos relatam ter inúmeros benefícios com a prática.

– O tai chi traz mudanças importantes na vida dos meus alunos, como melhorias na forma de lidar com as emoções, de ter mais serenidade, paciência e bem-estar no dia a dia. Os benefícios são muitos – diz Claudia. Clique aqui para ler mais.

Compartilhe!

5 comentários

  1. quero muito fazer Tai Chi chuan,mas não sei onde tem na zona oeste sp

  2. Estou começando a prática e fiquei emocionadíssima!Muito lindo!

  3. leandro martins teixeira

    busco informações sobre uma reportagem de ZH: os beneficios do tai chi :**/**/14
    award revita science.
    para divulgação.
    se possivel me ajudem a encontrar tal reportagem.
    obrigado.

    • Concordo com você, Déa. Embora não partilhe da ideia, acho que o assunto precisa ser discutido. E com todo respeito. É de suprema importância discutir ideias, mesmo que não concordemos com elas. O que não pode é agredir o outro ou outra, ser violento, por discordar do que pensam. Grande beijo pra você.

    • Caro Leandro,
      Infelizmente, não tenho como ajudá-lo, pois não conheço a matéria à qual você se refere. Talvez fosse o caso de você entrar em contato com o Zero Hora. Com certeza, se a matéria saiu no jornal, eles vão poder atendê-lo. Espero que tenha sucesso. Volte sempre ao 50emais. Um grande abraço.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.