Uma campanha com “mais de 50 tons de cinza”

Elas são as protagonistas da campanha para vender lingerie

Protagonistas da campanha para vender lingerie

A propósito do Dia dos Namorados na Grã-Bretanha, neste sábado, 14 de fevereiro, o site bt.com publicou este artigo, mais um dos muitos que têm saído na imprensa, mostrando a valorização das modelos com mais de 50 anos.

O artigo, que me foi enviado pelo amigo querido Luis Alfredo Hablitzel, trata da criativa iniciativa da empresa JD Williams: lançou a campanha “Mais de 50 tons de cinza”, contratando mulheres que já passaram dos 50 para promover suas peças de lingerie.

A empresa decidiu partir para a campanha quando tomou conhecimento de uma pesquisa mostrando que três em cada cinco mulheres britânicas com mais de 50 anos de idade se sentem pouco representadas na mídia.

Nessa faixa etária, elas se sentem pouco representadas na mídia

Nessa faixa etária, elas se sentem pouco representadas na mídia

O porta-voz da JD Williams, Carie Barkhuizen , disse: ” Nessa época, somos bombardeados com imagens de jovens sedutoras e a mulher mais madura fica de fora.” A pesquisa também descobriu que 52% das mulheres no país se sentem mais seguras aos 45 anos.

“Apresentamos modelos maduras vestindo lingerie com aparência tão fantástica quanto suas colegas mais jovens?” comentou ela, afimando: ” A idade é apenas um número. Nossa campanha prova que a mulher pode ficar bem numa peça de lingerie em qualquer idade. ”

O setor da moda que mais cresce na Grã-Bretanha é o constituído por mulheres com mais de 50 anos e vai se fortalecendo como o mais poderoso grupo de consumidores do país.

Compartilhe!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.