Uso da internet por idosos cresceu 222% em 6 anos

Vontade de explorar as facilidades da vida moderna

Eles são atraíds pelo desejo de explorar facilidades da vida moderna

A pesquisa abrange só até 2011. O que se sabe é que cada dia mais o número de internautas acima de 60 anos cresce. E cresce com rapidez porque a rede possibilita explorar o mundo lá fora. Não há um meio de comunicação mais propício para quem tem mais idade, pois abre um novo universo com o simples apertar de um botão. Mas, embora cresça mais do que em qualquer outra faixa etária, o acesso à internet ainda é relativamente pequeno, considerando o número de idosos dopaís.

Leia o artigo publicado no portal uai.com.br:

Há dois anos, Lásara Batista ganhou um tablet de um dos filhos. A primeira reação foi rejeitar o aparelho. “Eu não queria computador, não queria ‘esquentar’ a cabeça”, conta a aposentada de 72 anos. A estratégia para convencê-la foi dizer que o tablet não era um computador, mas apenas um brinquedo que poderia distraí-la. “No começo, eu me esforcei para usar porque sabia que tinha sido caro, para valorizar o presente”, lembra. O dever acabou se transformando em diversão. “Depois de rejeitar, eu adorei. Senti como se abrissem novas janelas para mim”, conta Lásara, que hoje se diz incapaz de viver desconectada.

Casos de idosos, como Lásara, que aderiram ao mundo digital se tornam cada dia mais comuns. No Brasil, a última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgada neste ano pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostra que, de 2005 a 2011, houve um aumento de 222,3% no número de pessoas com mais de 50 anos que usam a internet. O que significa dizer que 5,6 milhões de idosos passaram a utilizar a web nesse período. Das faixas etárias analisadas, essa foi a que apresentou o maior crescimento. Mas, apesar do aumento, os idosos, segundo o IBGE, ainda são a camada que menos acessa a rede mundial de computadores: em 2011, os internautas representavam apenas 18,4% da população mais velha, contra, por exemplo, 74,1% das pessoas entre 15 e 17 anos.

A facilidade de acesso aos itens de informática — que se tornaram mais baratos nos últimos anos — pode ser uma das justificativas para o aumento do número de idosos usando computadores, tablets e smartphones para entrar na rede virtual. “Hoje, os itens de informática estão financeiramente acessíveis. Aliado a isso, os idosos passaram a ter contato com esses itens no dia a dia”, avalia Silvana Maria Affonso de Lara. Cientista da computação, Silvana é autora de uma tese de doutorado na Universidade de São Paulo (USP) que tratou dos entraves para o acesso dos mais velhos à informática e propôs modos de facilitá-lo. Clique aqui para ler mais.

Compartilhe!

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com asterisco são obrigatórios. *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.